Os profissionais do ramo da barbearia participaram de um workshop de aprimoramento das técnicas de barbear e cortes de cabelo no último domingo (10) em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho. O curso intensivo abordou as principais técnicas do mercado e as tendências para 2018, como o corte “degradê” e a barba desenhada.

No total, o curso teve participação de 18 barbeiros profissionais de Guajará-Mirim, Nova Mamoré e distritos próximos. O instrutor foi o barbeiro Bruno Sallos, que veio da capital para fazer o treinamento com 8h de duração.

Ao G1, o instrutor Bruno Sallos disse que repassou técnicas que são tendências em 2017 e 2018, tendo o corte degradê como a principal tendência do mercado, além de técnicas com tesouras e penteados com desenhos (freestyle), que são bastante pedidos principalmente pelos mais jovens que acompanham os penteados usados pelos jogadores de futebol famosos.

“Hoje os caras estão cortando muito degradê, mais alto, mais baixo, é o mais pedido. O homem está se cuidando mais, mais vaidoso, com uma barba grande e bem cuidada, um corte impecável e uma pele bem tratada. Os clientes querem usar um corte que um jogador de futebol está usando, as vezes já chegam até com o corte de uma estrela do futebol ou artista de TV no celular e pedem para fazer igual”, contou Sallos.

Para o instrutor, a mudança de cultura do homem nas últimas décadas fez com que muitas pessoas procurassem o ramo da barbearia para se profissionalizar e iniciar o seu próprio negócio.

“O homem deixou de ser descuidado e por isso a barbearia cresceu demais nos últimos anos. É importante estar sempre se aperfeiçoando para crescer, foi bom fazer esse curso para dar uma força no lado motivacional e da união na galera que trabalha nessa área. O bom atendimento é o segredo para ter sucesso no negócio, não é só fazer um corte e uma barba bem feita, é preciso atender bem, isso também foi repassado”, finalizou.

Para o barbeiro Josias Barroso, que idealizou e promoveu a capacitação, a vinda de um instrutor especializado para repassar novas técnicas e aprimorar o conhecimento já adquirido é uma motivação extra para quem trabalha no ramo.

“A importância de termos essa especialização na cidade é justamente unir a classe e fazer com que o profissional tenha propriedade de causa, tenha o que oferecer para o cliente em relação as qualificações e novas tendências de corte. Temos obrigação de acompanhar o mercado e o que está na moda”, explicou Josias.

Um dos barbeiros que teve a oportunidade de participar do workshop foi Alzimar dos Santos Torres, que tem um salão no distrito de Jacinópolis, situado na zona rural de Nova Mamoré. Segundo ele, a participação na oficina serviu para melhorar as técnicas, tendo em vista que a capacitação profissional nessa área é bastante carente na localidade.

“Foi demais participar com outros barbeiros da nossa região nessa capacitação. Espero daqui para frente ter uma melhora nos atendimentos aos clientes, principalmente nos cortes mais pedidos como é o degradê. Vim de longe para ter essa chance e conhecer as novas tendências, isso é importante”, disse o participante.

G1 RO/ Júnior Freitas